Início > Unipampa disponibiliza curso de musicalizacao gratuito para criancas
Data de publicação 10/03/2020 - 15:17 Atualizado em: 10/03/2020 - 15:17 77 visualizações

Unipampa disponibiliza Curso de Musicalização gratuito para crianças

As atividades acontecem às terças-feiras no Campus Bagé e são abertas a toda a comunidade
Por Tamíris Centeno Pereira da Rosa

Você sabia que a música pode contribuir para o desenvolvimento psicomotor, socioafetivo, cognitivo e linguístico da criança? Por ela ser uma ferramenta facilitadora do processo de aprendizagem o Campus Bagé da Universidade Federal do Pampa (Unipampa) está com inscrições abertas para o Curso de Extensão “Musicalização para Bebês” para novas turmas. As inscrições podem ser feitas até o dia 24 de março, data em que as atividades iniciam, pelo e-mail carlalopardo@gmail.com ou WhatsApp: 51 99288 5205. O curso é gratuito e aberto a toda a comunidade.

As aulas devem acontecer nas terças-feiras, na Sala 4307 do Bloco 4 do Campus Bagé. Serão três turmas agrupadas por idade: a partir dos 9 meses (15h às 16h), um a dois anos (16h a 17h) e entre dois e três anos (17h30 a 18h30). A professora do Curso de Música da Unipampa, Carla Lopardo, explica que a atividade também auxilia no processo de aquisição da linguagem, é um estímulo à autoestima e ao desenvolvimento emocional, ajuda no controle melhor do corpo e desenvolvimento da expressividade e coordenação rítmica e fortalece o vínculo afetivo entre aqueles que juntos praticam. “Permite a ampliação do repertório musical, além disso, proporciona momentos de troca e construção de vínculos em família pra além do espaço do curso musicalização”, destacou a docente.

De acordo com Lopardo, a musicalização infantil é o primeiro contato formal do bebê e a criança com o fazer musical, envolvendo processos de escuta, sensibilização, interpretação, criação individual e, principalmente com os outros. “Implica um processo de desenvolvimento dos dois hemisférios do cérebro. O racional e o emocional se conectam constantemente em cada prática, articulando o motor e o social”, completa ela.

Tags: Extensão, Bagé