Ícone do FacebookÍcone do TwitterrÍcone do YouTube
Início > Semestre letivo inicia com formacao pedagogica sobre neurociencias e educacao
Data de Publicação 07/08/2019 - 12:27 Atualizado em 07/08/2019 - 12:27 111 visualizações

Semestre letivo inicia com Formação Pedagógica sobre Neurociências e Educação

Por Franceli Couto Jorge

Na última sexta-feira, 2, foi realizada, no Campus Bagé da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), a abertura do segundo semestre letivo de 2019. O evento, promovido pela Divisão de Formação e Qualificação da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), contou com a palestra Neurociências e Educação: integrando saberes para a prática docente universitária, proferida pela professora Daniela Martí Barros.

A atividade, que também integrou o Encontro de Formação Pedagógica, foi transmitida para os demais campi da instituição por meio da internet. O objetivo principal do evento é a promoção da acolhida e abertura do semestre letivo, criando uma cultura institucional de valorização das ações de desenvolvimento profissional dos servidores da instituição.

Para a pró-reitora de Graduação em exercício, professora Amélia Rota Borges de Bastos, “esse evento materializa um dos compromissos da gestão e da Prograd com a formação docente”. Sobre a escolha do tema, Amélia afirma que a neurociência foi apontada como uma das áreas de interesse dos docentes para formação. “É um tema bastante atual e necessário para nós professores para que possamos compreender os processos de aprendizagem dos nossos estudantes e pensar processos de ensino que respondam às características desses processos de aprendizagem”, afirma.

A vice-reitora da Unipampa, professora Nádia Fátima dos Santos Bucco, parabenizou a equipe da Prograd pelo trabalho realizado de formação e, também, pela escolha do tema. “A neurociência não propõe uma nova pedagogia e nem constitui a solução das dificuldades de aprendizagem e dos diferentes problemas da educação, mas, fundamenta uma prática pedagógica que já se realiza, demonstrando que estratégias pedagógicas, que respeitam a forma como o cérebro funciona, tendem a ser muito mais eficientes”, esclarece.

A palestra ministrada pela professora Daniela Barros dividiu-se em dois eixos. Na primeira parte, a docente expôs dados sobre a neurologia do cérebro, momento em que explicou as áreas responsáveis pelo planejamento de movimentos complexos e elaboração dos pensamentos, pela formação das palavras, pelo comportamento, emoções e motivação, pela compreensão da linguagem e inteligência, pelo processamento visual das palavras, pelas coordenadas espaciais do corpo e adjacências, pela visão e pelas funções motora, auditiva e somatossensorial. Na sequência, a professora apresentou técnicas de aprendizagem com base científica utilizadas em países como o Reino Unido.

Além dos docentes e técnico-administrativos em educação participantes da Formação, prestigiaram o evento o coordenador acadêmico do Campus Bagé, Elenilson Alves; o pró-reitor adjunto de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Fábio Gallas Leivas; o pró-reitor de Extensão e Cultura, Rafael Maurer e o pró-reitor de Assuntos Estudantis e Comunitários, Diogo Alves.

  • O coordenador acadêmico do Campus Bagé, Elenilson Alves, desejou as boas-vindas aos participantes - Foto: Ronaldo Estevam

    Coordenador acadêmico do Campus Bagé, Elenilson Alves, desejou as boas-vindas aos participantes - Foto: Ronaldo Estevam

    Professora Daniela Barros apresentou a neurologia do cérebro - Foto: Ronaldo Estevam

    Professora Daniela Barros apresentou a neurologia do cérebro - Foto: Ronaldo Estevam

    Além do público do Campus Bagé, a palestra contou com a participação das demais unidades universitárias - Foto: Ronaldo Estevam

    Além do público do Campus Bagé, a palestra contou com a participação das demais unidades universitárias - Foto: Ronaldo Estevam