Início > Unipampa participa de estudo socioepidemiologico binacional
Data de Publicação 28/12/2020 - 16:48 Atualizado em 28/12/2020 - 16:57 222 visualizações

Unipampa participa de estudo socioepidemiológico binacional

Projeto envolve as cidades de Rivera, no Uruguai, e Santana do Livramento, no Brasil
Por Emanuelle Tronco Bueno

A Universidade Federal do Pampa (Unipampa) integra projeto que visa estudo socioepidemiológico binacional. A proposta envolve as cidades de Rivera, no Uruguai, e Santana do Livramento, no Brasil. O estudo tem como objetivo conhecer a proporção de pessoas acometidas pela Covid-19 e avaliar o impacto sociosanitário das medidas emergenciais adotadas. A apresentação pública da pesquisa, com início previsto para fevereiro de 2021, ocorreu no dia 16 de dezembro. O reitor da Unipampa, Roberlaine Ribeiro Jorge, participou do evento por videoconferência. A transmissão ocorreu da Universidade Tecnológica do Uruguai (UTEC), em Rivera, e foi disponibilizada pelo canal no Youtube do Ministério de Saúde Pública do Uruguai.

O reitor da Unipampa iniciou sua fala salientando a importância do projeto para o atual estágio da pandemia: “Esta parceria binacional, Brasil e Uruguai, irá impactar não só os cidadãos brasileiros e uruguaios, mas poderá servir de exemplo de união entre governo e academia”, pontua. Com a participação no projeto, “a Unipampa poderá realizar os testes da Covid-19 no Laboratório de Pandemias do Campus São Gabriel”, afirma Roberlaine.

Conforme a diretora geral de coordenação do Ministério de Saúde Pública do Uruguai, Karina Rando, este projeto é de suma importância, pois todas as informações sobre uma pandemia com impacto mundial são úteis e serão aplicadas pelo órgão, seja para tomar medidas de prevenção, de controle ou de planejamento de políticas públicas. A diretora também justificou o início dos estudos em Rivera, pois esta é uma cidade binacional que sofreu de forma expressiva o impacto da pandemia e que gera bastante dúvida sobre a prevalência da doença.