Início > Estudantes da unipampa participam de competicao mundial do setor de petroleo
Data de publicação 07/02/2020 - 16:56 Data de atualização: 14/02/2020 - 16:05

Estudantes da Unipampa participam de competição mundial do setor de petróleo

Por Tamíris Centeno Pereira da Rosa

Uma equipe de cinco alunos do Campus Caçapava do Sul da Universidade Federal do Pampa (Unipampa) está participando da Imperial Barrel Award (IBA) 2020, competição organizada pela associação americana de geólogos do petróleo e tem por objetivo permitir aos estudantes contato com os processos e métodos de prospecção de petróleo e gás natural.

O grupo é composto por cinco alunos, os graduandos em Geofísica, Matheus Fernandes da Cruz e Piero Bastos Romero, e os alunos do 9° semestre de Geologia, Gabriel Góes Marins, Jean Carvalho Toledo e Mayra Kauany Rodrigues Cunha. Os discentes da instituição que participam da IBA 2020 compõem o capítulo estudantil da American Association of Petroleum Geology (AAPG).

O IBA 2020 Competition é uma competição anual de exploração de bacias petrolíferas para estudantes de geociências de todo o mundo, promovida pela American Association of Petroleum Geologists (AAPG) para os Students Chapters. De acordo com o professor da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Felipe Guadagnin, o programa contribui para a missão da AAPG de promover o treinamento em geociência do petróleo e avançar as carreiras dos futuros profissionais da “indústria do óleo”. “Nossa equipe, agindo como uma empresa de exploração campos de hidrocarbonetos, analisará um conjunto de dados (geologia, geofísica, infraestrutura de produção e outros materiais relevantes) de uma bacia sedimentar com histórico de exploração e, possivelmente, produção de gás e/ou óleo, durante oito semanas com o objetivo de propor novos campos de exploração (plays) na bacia estudada”.

O professor ainda explica que diversos tópicos fundamentais para a determinação de um novo alvo para a indústria, como, cálculo do reservatório, modelagem do sistema petrolífero, interpretação dos dados dos poços, interpretação da análise composicional dos hidrocarbonetos, contexto e histórico geológico, análise volumétrica e recomendação final para ação comercial, dentre outros devem ser concluídos com a pesquisa. “Nosso projeto final será apresentado para os jurados dia 6 de março. Após esta data, as quatro melhores equipes da etapa regional (América Latina e Caribe) disputarão a semifinal em um local a ser definido. O vencedor da semifinal irá disputar a final mundial em Houston, Texas (EUA)”.

A competição iniciou em 9 de janeiro e vai até o dia 6 de março. As atividades são realizadas no Laboratório de Análises de Sinais Geofísicos.

Equipe que participa da IBA 2020. Foto: Divulgação

randomness