Início > Aula magna hibrida marca abertura do semestre letivo 20222
Data de publicação 21/09/2022 - 14:49 Atualizado em: 23/09/2022 - 11:19 75 visualizações

Aula Magna híbrida marca a abertura do semestre letivo 2022/2

Por Franceli Couto Jorge

Na manhã desta quarta-feira, 21, a Universidade Federal do Pampa (Unipampa) realizou a abertura do segundo semestre letivo de 2022 com evento híbrido: a Aula Magna com a reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Joana Guimarães. A atividade ocorreu no auditório do Campus Bagé com transmissão simultânea para os demais campi pelo YouTube, por meio do canal da Unipampa.

Compuseram a mesa de abertura o reitor da Unipampa, Roberlaine Ribeiro Jorge, a pró-reitora de Graduação, Shirley Nascimento, o pró-reitor de Extensão e Cultura, Paulo Lopes, a pró-reitora adjunta de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Ana Paula Manera, o diretor do Campus Bagé, Alessandro Bica, e o coordenador acadêmico do Campus Bagé, Fernando Junges.

O evento contou com a apresentação musical do servidor do Campus São Gabriel, Rafael Plá Matielo Lemos. Na sequência, o reitor da Unipampa, Roberlaine Ribeiro Jorge, fez a abertura da Aula Magna, destacando que estamos vivendo uma nova fase, um novo momento que ele espera que seja melhor, pois passamos a fase crítica da pandemia. O gestor disse que ainda há muita coisa para se adaptar, mas é preciso saudar as vitórias obtidas diante das dificuldades enfrentadas. Roberlaine ressaltou as avaliações recebidas pelos cursos de graduação, alguns com notas máximas, e também os da pós-graduação, após a avaliação da Capes. Por fim, falou da importância de olhar para trás para tirar lições e, então, seguir para superar os desafios e evoluir.

Na sequência, a reitora da UFSB, Joana Guimarães, proferiu sua palestra intitulada "A Pandemia e as Universidades: angústias e aprendizagens”, com mediação do professor Alessandro Bica. Joana dividiu sua fala em três momentos, pelos quais relatou a trajetória das Universidades desde o início da pandemia até o momento atual, perpassando pelos relatórios produzidos pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes).

Joana também enfatizou, em sua palestra, a necessidade de investimento em infraestrutura na área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) para dar seguimento às atividades acadêmicas. A reitora ainda falou sobre as angústias enfrentadas tanto pelos estudantes quanto pelos professores nesse novo cenário. "Apesar das dificuldades, foram muitos eventos on-line, que nos mantiveram conectados de alguma forma", ressaltou Joana. A palestrante também falou sobre as fragilidades institucionais, principalmente, no que se refere aos problemas orçamentários. A íntegra do evento está disponível no canal da Unipampa no YouTube.

A programação continuou à tarde com atividades de recepção aos discentes promovidas pela direção do Campus Bagé, pela Pró-Reitoria de Graduação e pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura.