Ícone do FacebookÍcone do TwitterrÍcone do YouTube
Início > Professora da unipampa recebe premio espirito publico 2019
Data de Publicação 20/08/2019 - 16:20 Atualizado em 21/08/2019 - 11:01 918 visualizações

Professora da Unipampa recebe Prêmio Espírito Público 2019

Por Tamíris Centeno Pereira da Rosa

A professora da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Pamela Mello-Carpes, é uma das vencedoras do Prêmio Espírito Público 2019, na categoria Educação, em virtude do trabalho de pesquisa científica realizada na instituição. A iniciativa tem o objetivo de premiar profissionais públicos que executam atividades de relevância para o país. A cerimônia de entrega será realizada em São Paulo, no dia 28 de outubro.

Doutora em Fisiologia, com pós-doutorado na Universidade de Leuven (Bélgica), Mello-Carpes é uma das três vencedoras na categoria Educação. A professora ressalta que a Universidade Pública foi primordial para que ela conseguisse desenvolver as pesquisas. “Este prêmio busca reconhecer profissionais públicos com uma trajetória de contribuições relevantes para o Brasil. Toda minha trajetória pública foi/está sendo construída na Unipampa, por isso não posso deixar de ser grata a esta instituição que me possibilita desenvolver tantos projetos. Levo o nome da nossa universidade com orgulho.” 

Ela também é bolsista de produtividade em pesquisa CNPq.  Lidera o Grupo de Pesquisa em Fisiologia, e o Programa POPNEURO: Ações para divulgação e popularização da neurociência. Participa dos grupos Cientistas do Pampa e Parent in Science.

Em 2017 ganhou o Prêmio Para Mulheres na Ciência L’Oreal/UNESCO/Academia Brasileira de Ciências. É membro do Comitê de Ensino da Sociedade Brasileira de Fisiologia e do comitê Women in Physiology da American Physiological Society. É pesquisadora da Rede Ciência para a Educação e atuou no Escritório da Educação da UNESCO no programa Science of Learning.

O Prêmio Espírito Público 2019 é resultado da construção coletiva de diversas organizações, seu foco se firma na continuidade dos trabalhos e caminhos que levam os trabalhadores públicos às suas contribuições pelo Brasil. É realizado pela Aliança – coalizão entre as fundações Lemann e Brava, e os institutos Humanize e República – junto à Agenda Brasil do Futuro, com o suporte fundamental dos parceiros: Centro de Liderança Pública, Fundação Itaú Social, Ensina Brasil, Fundação Victor Civita, Instituto Sou da Paz, Instituto Betty e Jacob Lafer, Instituto Igarapé, Instituto Desiderata, Vetor Brasil, SOS Mata Atlântica, Instituto de Tecnologia & Sociedade do Rio, Instituto Clima e Sociedade, Instituto Semeia e Casa Fluminense.

Mello-Carpes já recebeu o Prêmio Para Mulheres na Ciência. Fotos: Divulgação

Tags: Uruguaiana